Carregando...
Conteúdo

10 dicas para nunca mais faltar conteúdo para o seu blog

Dicas para não faltar conteúdo

Falar de viagem pode ser fácil, quando você acabou de voltar de viagem e está cheio de conteúdo novo para publicar. Mas e quando já se passaram 5 meses desde a última viagem e ainda tem mais 3 meses para a próxima? Mão na massa e você vai ver como não é tão difícil assim!

Você não precisa ser uma máquina de conteúdo, você precisa apenas usar da sua criatividade. Ah, e praticar constantemente um exercício de brainstorming. Traduzindo ao pé da letra: tempestade cerebral, ou mais conhecida como: tempestade de ideias.

Primeiro de tudo tenha sempre em mãos um app (gosto do Google Keep) ou um bloco de notas. Os insights chegam sem pedir licença (principalmente no meio da madrugada) e não ter onde anotar pode ser a uma chance perdida.

Mas não dá para depender apenas dos insights. Existem algumas formas que podem te ajudar a criar um verdadeiro estoque de conteúdo.

Mas lembre-se: não vale perder a qualidade em busca da quantidade heim. 😉

1 – Use e abuse do conteúdo “how to

Um dos posts que mais fazem sucesso hoje em dia são os famosos “how to” o motivo é bem simples: as pessoas são preguiçosas e querem saber o passo a passo de tudo.

A estratégia do how to é entregar de bandeja o como fazer determinada coisa. Uma boa dica é você mesmo anotar tudo o que você pesquisou para montar o seu roteiro, provavelmente a sua dúvida pode ser a dúvida do outro.

Vamos usar Nova York como exemplo. Tente se colocar no lugar do seu leitor e faça um rabisco sobre quais são os possíveis “how to” que ele possivelmente irá buscar sobre o tema. Importante você não limitar as suas ideias, vá anotando todas as opções e em seguida volte avaliando o que cabe ou não no perfil do seu blog.

  • Como arrumar as malas para o inverno de Nova York;
  • Como andar de metrô em Nova York;
  • Como compreender as avenidas de Nova York;
  • Como conhecer a Estátua da Liberdade;
  • Como comprar ingressos para os shows da Broadway;
  • Como escolher hotéis em Nova York;
  • Como montar um roteiro de 3 dias para conhecer Nova York.

2 – O poder das Listas

O conteúdo tipo listas está super em alta e serve para inspirar os leitores. Eu por exemplo, sou super fã de uma boa lista, sou do tipo que guardo para pesquisas futuras. 😉

Geralmente é um post mais simples de elaborar, não requer longos parágrafos (mas isso não é um regra), dados históricos e informações complexas. Em geral o objetivo de uma lista é entregar algumas diquinhas para o seu leitor, instigando a curiosidade sem entregar o pote de ouro. 😉

Se você acabou de escrever um post sugerindo 5 destinos para curtir o verão, que tal aproveitar e escrever mais cinco posts, um para cada destino?

Ou faça o caminho inverso, procure temas que você tem em comum dentro do blog (ex: praias do nordeste), crie listas e faça o link completo para cada um dos seus posts. Por exemplo: 10 praias que valem a pena no Nordeste.

Não é um regra você ter visitado todos os lugares da sua lista, mas é bacana você indicar lugares que você já conheceu. Mas nada te impede de divulgar a sua wish list, ou seja a sua lista do desejo: 5 destinos dos sonhos ou 10 destinos para conhecer até 2020.

Viu como o céu é o limite para esse tipo de conteúdo? Só não se esqueça de ser criativo e original em suas listas, nada de sair copiando listas de outros sites. Crie a sua própria lista! Não existe uma verdade absoluta sobre os melhores destinos para curtir o verão. O blog é seu, a opinião é sua! 😉

3 – Se liga nos Comentários

Uma das maiores fontes de inspiração de conteúdo pode estar dentro do seu próprio blog. Já pensou em ler o seus comentários com outros olhos?

Fique atento em comentários similares, eles podem ser uma grande oportunidade de post. Escreveu algo sobre Londres e está rolando muitas perguntas sobre: Como eu faço para utilizar o metrô de Londres? É seguro utilizar o metrô de Londres? Você está esperando o que para criar esse post?

Escreveu um post sobre Provence e rolou um comentário: Um dia eu li um livro sobre a região de Provence e me despertou muita vontade de conhecer essa região… Tá aí um novo post: Livros para você se sentir em Provence, na França, Livros que vão te fazer viajar.

E por aí vai, esteja de mente aberta para ler os comentários do seu blog. De tempos em tempos volte nos posts antigos e releia o que o seu público está pedindo.

Outro dia, outra cabeça, outras ideias.

Nada impede de você ir buscar os comentários em blogs alheios também. Já pensou em entrar naquele blog bombástico e procurar posts de destinos que você já conheceu e que tem propriedade para falar sobre o assunto? Dá igual, o interesse dos leitores por novos conteúdos podem estar espalhados por todos os cantos.  

Os comentários não se limitam apenas aos blogs, fique de olho nos comentários das redes sociais. Geralmente lá os seguidores são mais engajados que dentro do próprio blog.

Use e abuse das ferramentas, aproveite a oportunidade das enquetes e pergunte o que eles querem ler, isso ou aquilo?

4 – Tire pó dos seus conteúdos antigos

Revisar conteúdo e atualizar as informações nunca é demais. Ainda mais falando de viagem, que as informações mudam constantemente. Se você é do tipo que informa horário, endereço e valores no seu blog é bom mantê-lo sempre atualizado. Não tem coisa pior que alguém seguir uma dica sua e dar de cara com a porta.

Tenha um planejamento de atualização dos posts, verifique todas as informações e informe o leitor que aquele post foi atualizado no dia x.

Mas além disso os posts antigos podem gerar conteúdo novo. =D

Você tem um conteúdo muito bom, com excelente engajamento, ranqueamento bom no Google, enfim aquele post que você sabe que deu certo. Primeiramente: Parabéns!

Provavelmente esse é um destino em potencial, você tem a faca e o queijo na mão. Aproveite o alto acesso e crie outros posts do mesmo destino e não se esqueça: faça o link de um para o outro.

Por exemplo, eu tenho um post sobre Lisboa que é um dos meus melhores posts, esse texto em específico eu falo sobre restaurantes de Lisboa e menciono um pouco sobre algumas atrações. É a minha grande oportunidade de criar um post: O que fazer em Lisboa. Quem procura onde comer em Lisboa, provavelmente quer saber o que tem para fazer na cidade também né?

Nem todos os posts vão tão bem como os de Lisboa não é mesmo? Mas nem tudo está perdido. É completamente normal um post ou outro não sair tão legal, tem dias que não estamos inspirados, então aproveite a sua revisão procure um dia de inspiração e comece do zero.

5 – Sempre um passo na frente: antecipe assuntos

Tenha um calendário editorial, esteja sempre a frente dos seus leitores. Eles ainda estão curtindo o Carnaval e você já está se lambuzando de chocolate e escrevendo um post para curtir o feriado da Páscoa.

Um mês antes (ou mais) do dia dos namorados publique destinos românticos: nacionais e internacionais. Feriadão à vista? já prepara o post de escapadas no feriado. O inverno está chegando? Dê dicas de cidades na montanha, lugares para esquiar ou destinos para fugir do friozinho.

Lembre-se que as pessoas tem que se planejar e postar no dia do feriado não vai ajudar muito o seu leitor. Maaassss, também nada impede de aproveitar o clima de romance do dia 12 de Junho e publicar uma listinha dos 10 destinos românticos ao redor do mundo.

6 – Saia do assunto destinos, sem sair do tema viagem

Se o seu blog é sobre viagem nada a ver você falar sobre bolsas, mas tudo a ver você falar sobre como organizar uma mala para o verão.  

Se você gosta de ler porque não falar de livros que a história se passa em determinadas cidades? O mesmo pode ocorrer para filmes e séries. Mas não perca o seu foco – ele deve ser sempre voltado para o tema viagem. Indique os perfis de Instagram que inspiram qualquer viajante…

A Klécia por exemplo, autora do Hello Blogger, é amante dos livros e criou um projeto super bacana: Legendi Mundi. Onde ela está lendo um livro de cada país, escrito por autoras locais, e ela busca livros que explorem alguma cidade do país em questão. O trabalho dela é muito legal e ela consegue unir dois dos seus assuntos preferidos sem perder o foco.

Existe uma infinidade de assuntos relacionados ao tema viagem, se você gosta de gastronomia pode explorar de inúmeras maneiras, afinal de contas os dois assuntos são praticamente irmãos, não é mesmo? Mas vamos além, gosta de moda? Ok, que tal criar os seguintes posts:

  • Como montar a mala para 10 dias de viagem, linda(o) sem perder o conforto!;
  • Roupas coringas para manter o look sempre incrível;
  • Acessórios para diversificar a look de inverno;
  • Como arrumar uma mala pequena e ainda sobrar um espacinho para os souvenirs.

7. Seja um caçador de tags

Para aqueles que acompanham o YouTube sabe muito bem o que são tags, não é mesmo? Que Youtuber nunca começou um vídeo: Então hoje vamos responder a tag: 50 fatos sobre mim!

Quem não acompanhou a tag no Facebook sobre as 9 verdades e 1 mentira?

A criatividade do pessoal não tem limite, pegue carona na tag do momento e crie conteúdo para o seu blog. Não tem canal no Youtube? Não importa, crie em formato de texto.

Importante: seja rápido! Começou a ver que determinada tag está pipocando nas redes, senta na frente do computador e só saia de lá quando terminar a sua. Publique logo e não perca o momento. Já pensou, eu publico hoje: 9 verdade e 1 mentira sobre o Hello Blogger? Não ia rolar né?  

8 – Afunile sua viagem – Seja cada vez mais específico

Uma viagem pode ter apenas um post ou podem ter 10 (saiba dosar também). Escreva um post macro, contando superficialmente o que você fez e por onde passou. Em seguida comece a fragmentar essa viagem > esse destino > esse dia.

Muitas vezes uma única atração merece um post exclusivo, mas fique atento, escrever um post com 200, 300 palavras apenas pela ideia de ter mais um post pode ser ruim.

Só dedique um post exclusivo para uma atração que tenha conteúdo suficiente.

A viagem foi: Eurotrip (passando por Londres)

  • Roteiro dia a dia em Londres (faça um diário)
  • Resumo sobre os 4 dias em Londres – suas impressões, fale sobre o período de 4 dias: muito, pouco ou é o suficiente)
  • Restaurantes em Londres
  • Pubs em Londres
  • Passeio pela Torre de Londres
  • Parques de Londres
  • Bairros de Londres
  • O que levar na mala para o inverno europeu
  • Como é viajar de trem pela Europa
  • Resumo da sua Eurotrip

Pela última vez quero dizer que não existe certo ou errado, um blog é feito 100% da opinião do autor o que você precisa é saber embasar muito bem os seus argumentos (sempre).

Se você está dizendo que 4 dias são o suficiente para conhecer Londres especifique o porquê. Tem pessoas que dizem que Londres merece um mês, talvez um ano inteiro para ser descoberto. Mas e aí, os turistas tem toda essa disponibilidade? Então explique o seus motivos e deixe claro o que cabe dentro desse roteiro e o porquê da sua opinião. =D

Embasar bem os seus argumentos vale para todo e qualquer post publicado!

9 – Participe de blogagem coletiva

Participar das blogagens coletivas que acontecem no universo da blogosfera é sempre uma maneira de ter mais assunto e ainda mais importante: melhorar o seu SEO. Entenda como melhorar o SEO com o post do Hello Blogger – Link Building

As blogagens coletivas estão sempre rolando, e se você não sabe o que é isso eu te explico: um grupo de blogueiros que se juntam para explorar determinados assuntos. Todos escrevem sobre o mesmo tema, cada um com a sua visão, claro. E ao publicar rola uma lista de link com todos os participantes.

O bacana disso é que surgem assuntos que muitas vezes nem imaginamos que poderiamos falar e aí está: um novo post. Por exemplo, minha próxima blogagem coletiva é sobre: Os templos religiosos que eu fui e gostei. Nunca pensei em reunir todos eles em um único post, e aqui está uma bela oportunidade, afinal eu adoro conhecer igrejas, mesquitas e sinagogas.

Então estejam atentos nesse tipo de blogagem e agarre quantas puder. Só não se esqueça do comprometimento e responsabilidade de postar no dia e horário certo.

10 – Tendências

Por último e não menos importante: esteja atento às tendências! Um pouco diferente das questões das tags que eu comentei lá em cima. Mas a antena ligada é a mesma!

Você precisa estar atento com tudo que está acontecendo ao seu redor. Por exemplo, me lembro quando foi lançado o Google Trips no mesmo dia eu procurei algumas informações e ainda pouco se falava dele. Tratei de preparar um post na mesma hora contando o que era e como funcionava, joguei na rede e PAH bombou. Hoje é um post bem morto dentro do meu blog, mas eu consegui surfar na onda daquela tendência.

Outro assunto: Pokemon Go! Eu sei, parece bizarro, mas a febre foi tanta que eu criei um post: Como aproveitar o Pokemon Go nas suas férias, e não é que deu certo? Mais um vez ele morreu, mas tive muitos acessos na época.

Uma maneira de estar bem antenado nos assuntos do momento é ficar ligado no Twitter, dizem que todas as tendências chegam lá primeiro. Outra ferramenta muito bacana é o Google Trends, por lá você consegue acompanhar quais são os assuntos mais comentados, por país, região e até cidade.

Como não perder nenhuma tendência do meu nicho?

O Google Trends também pode ser uma fonte de inspiração por palavra chave. Você pode digitar lá: Las Vegas, escolher a cidade, região ou país e um período (semanas, meses, anos) e ele vai te informar quais são os temas com essa palavra mais buscado no local e período indicado. Ou seja, tá com um destino, um assunto, que parece que não vai te render muito, vai buscar entender o que as pessoas estão buscando sobre o tal lugar. O mesmo pode ocorrer no buscador de palavras chaves (também do Google).

Acho que com tantas dicas não tem mais como ficar sem conteúdo não é mesmo?

E aí, quantos insights você teve com esse post? Me conta! Você tem alguma outra estratégia para criar mais e mais conteúdo? Quero saber. =D

10 dicas para não faltar conteúdo

14 comentários
  1. Juliana

    Amei o post!! Muito bom 😀
    Mas fiquei com uma dúvida, como rolam as blogagens coletivas?
    Existe algum lugar que tem os temas que vão sair e quem está participando?
    Todos os blogueiros podem participar? (:

    1. Mayte Scaravelli

      Ju, muito obrigada! =D
      Existem alguns grupos no Facebook de blogagem coletiva, onde é selecionado o tema do mês e quem quiser participar tem até tal dia para deixar o link em um documento compartilhado. Procure pelo grupo: Pequenos Grandes Viajantes, esse grupo todo mês rola BC. Outra maneira de fazer blogagem coletiva é você reunir um grupo de amigos blogueiros e fazer isso por conta. 😉
      Beijos e sucesso 😉

  2. Juliana Rios (Juny)

    Adorei as dicas! Estou numa fase que ando precisando de inspiração.
    Quando voltei da Eurotrip estava com muitas ideias escrevendo de 3 a 4 posts por semana, depois passou um tempo e a inspiração foi esfriando, preciso voltar a escrever mais.

  3. Gio

    Estou chocadíssima porque há pouco tempo iniciei meu blog e esse post abriu minha mente. Fiz MUITAS anotações e tenho certeza que entrarão em prática e farão toda a diferença! De verdade, obrigada por este post maravihoso!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *