Carregando...
Conteúdo

Jogo de estratégia: você tem um plano de ação?

Jogo de estratégia

Começamos uma ação muito legal com o grupo do Facebook da Hello Blogger (ainda não está lá? Vem blogger!). Estamos reunindo grupos de estudo para debater alguns temas bacanas que foram apresentados na YouPixCon 2018, um dos eventos mais relevantes do Brasil sobre criadores e conteúdo digital.

Nosso primeiro bate-papo trouxe o tema Jogo de Estratégia – e vim aqui hoje fazer um resumão sobre o que discutimos pra fazer até você, que não participou do hangout, refletir sobre!

Pra começar, vamos definir estratégia?

Do grego, strategia significa plano, meta, objetivo. O termo acabou pegando mesmo no mundo militar, com as estratégias de guerra para avançar e derrotar um inimigo. A velha “arte da guerra”, sabe?

No mundo dos produtores de conteúdo digital, podemos fazer uma analogia que vivemos uma guerra também. Contra a concorrência, contra os algoritmos, contra a procrastinação, o amanhã eu faço.

Honestamente, sucesso não vem por acaso ou sorte. Não dá pra imaginar um blog alcançando destaque e relevância num mercado tão competitivo sem uma ESTRATÉGIA muito bem definida de ação.

Você já entrou no jogo da estratégia olhando para seu blog como um negócio?

  • Definiu metas?
  • Estabeleceu prazos?
  • Analisou resultados?
  • Ponderou riscos e tomou decisões?

Vamos ser diretos: enquanto você estiver levando seu blog “de qualquer jeito”, fazendo o que dá e quando dá, sem pensar em estratégias de ação, não dá pra esperar resultados consistentes.

Não conte com a sorte. Nunca entre num ringue de luta sem estudar o adversário e estar preparado com um plano de ação. Fazer o dever de casa, sabe?

Leia também: Planejamento de conteúdo anual para o seu blog

Estrutura e profissionalização

Quantas vezes você já ouviu um amigo blogger reclamar que nossa profissão de criadores de conteúdo não é reconhecida?

Já ouvi isso inúmeras vezes, especialmente alguns anos atrás, no começo da minha vida de blogger profissional.

Ultimamente, preciso reconhecer que algumas coisas mudaram. Alguns nomes do mercado de creators ganharam muito destaque e trouxeram muito retorno para marcas.

Visivelmente, bloggers começaram a usar uma abordagem cada vez mais profissional na forma de conduzir seu canal e gerir sua marca / empresa.

Leia também: Como preparar um plano de comunicação e ter um calendário editorial para o blog

Um modelo de negócio foi se apresentando como possível: aquele desejado viver (bem) de blog.O trabalho sendo cada vez mais reconhecido, as marcas satisfeitas com essa possibilidade de trabalhar lado a lado com alguém cada vez mais profissional.

Como falei, não é sorte. É entender qual é a sua voz, sua parcela de influência dentro do mercado digital, e trabalhar duro (com estratégia) pra ser reconhecido por um conteúdo diferenciado, exclusivo e profissional.

O negócio evoluiu tanto que, sinceramente, hoje nem dá pra imaginar uma grande marca lidando com um blogger sem estratégia – que não reconheça seu lugar no mercado ou tenha um plano de ação em mente.

Então, se você ainda não tem sua estrategia bem definida, fica aqui a dica.
Quem é você como creator? Para quem você fala? O que te torna único?Por que uma marca toparia trabalhar comigo? Qual a minha estratégia dentro do mercado? E se tudo der errado, o que vou fazer?

O que te move? Porque viemos até aqui!

Todo esse papo de considerar o blog uma empresa e ser profissional é bacana. Mas meio opressor, não é? Quanto mais a gente se dedica, mais começa a se cobrar por mais: resultados, números, retorno financeiro. Vira uma bola de neve.

Quando qualquer uma dessas coisas não vem, bate a frustração. O burnout, o bloqueio criativo, a insegurança. Aí muita gente desanima e até larga tudo. Ou trabalha mais e mais e mais, tentando atingir padrões irreais de sucesso.

Uma coisa bem comum é a crise de identidade entre a vida online e offline. Qual o limite de exposição? Quando é o suficiente?

Por mais louco que pareça, tem gente que, nesse momento, até cria um personagem. Alguém que vai entregar o que o mercado precisa, custe o que custar. Esquecendo dos valores da marca, da missão da empresa. Será que esse é o caminho?

Nesse momento, é preciso lembrar porque começamos. Porque viemos até aqui.Quem somos nós e o que queremos construir.

É preciso levar a vida de blogger a sério, mas sem perder a identidade. Sem construir um “personagem”, alguém pra lidar com essa pressão e cobrança, já que não foi por isso que começamos.

Encontrar o equilíbrio perfeito entre um trabalho profissional e de excelência e um conteúdo original e que represente o que a gente acredita. Alguma coisa me diz que esse é o segredo do sucesso.

Para viver bem esse jogo de estratégia, tente construir sua marca sobre o apoio da trinca visão de negócio – criatividade autêntica – saúde mental. Se qualquer um desses três pilares não estiver bem sustentado, é complicado para qualquer negócio ir pra frente.

Confie: sua audiência te segue porque se identificou com você, com o creator que existe dentro de você. Crie, invente, saia da caixinha. Vá além. Inove. Mostre que sua voz é única.

Você não precisa de um personagem. Você precisa ser REAL, mas com estratégia. Como o mercado te vê hoje? É isso que você tem de melhor pra mostrar?

Gostou da discussão sobre Jogo de Estratégia?

O próximo bate-papo trará o tema conteúdo em vídeo. Vai ser dia 20/03/2019, às 19h. Tá a fim de participar?

Entra em contato com a gente aqui na caixinha de comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *